A visita à exposição do ECM-SHOW em São Paulo ontem permitiu conversar com diversos players do segmento de gestão documental para atualizar os preços praticados no mercado de digitalização.

Atualmente os preços para grandes projetos orbitam na faixa de R$ 0,14 por folha (A4, PB). Este valor pressupõe uma indexação automática e uma preparação simples (retirada de grampos e planificação do documento).

Para projetos mais complexos com triagem do material e parte da indexação manual, mas ainda com grandes volumes, o custo pode saltar para R$ 0,22 a folha.

Com a redução das concorrências governamentais, o mercado se tornou mais realista na hora de compor o preço considerando:

  • a ociosidade dos recursos do prestador de serviço (mão de obra e equipamento);
  • o projeto será desenvolvido na unidade do cliente ou não (custo da energia elétrica);
  • o transporte dos documentos até o local de captura e
  • o prazo para disponibilização das imagens (SLA).

Não podemos esquecer que as novas obrigações propostas pela lei da terceirização também podem impactar estes valores. Saiba mais em nosso post sobre este tema.

Anúncios